Não gosto de desprezar ninguém, mas deixei de falar com a solidão porque era má companhia.

autor
António Almeida
Enviar um comentário