Perdoe os seus inimigos, mas nunca lhes vires as costas.


autor
António Almeida