A perda de quem amamos que nunca nos amará não é perda.


autor
António Almeida