Um dia, meu sonho foi, amar-te. Hoje, amar-te, foi um sonho meu.
autor
António Almeida
Enviar um comentário