Existem homens e homens. Todos os homens um dia se tornaram mais ou menos homens. Os mais homens já foram menos homens e os menos homens já foram mais homens, isto, não mencionando os cobarde, porque esses nunca foram, nem nunca serão homens.


autor
António Almeida
Enviar um comentário