Hoje acordei branco; vejo tudo branco. Ah!... O teu sorriso é amarelo.


autor
António Almeida
Enviar um comentário