Ergue longe os teus olhos e mostra-os há natureza sábios.


autor
António Almeida