O sexo diz: Preciso de ti, amo-te. O amor diz: Amo-te, preciso de ti.


autor
António Almeida