Dizem que se ama bem uma única vez na vida - a primeira. Eu não concordo, pois o amor é único; só mudam as personagens.


autor
António Almeida