Quando se fala em amor; falasse do inferno a uns e paraíso a outros.


autor
António Almeida