As palavras, quando partem dos lábios são: tão, inofensivas como ofensivas; inconcludentes como convincentes; inconvenientes como convenientes - sábias interesseiras.

autor
António Almeida
Enviar um comentário