A verdade do amor, é que ele é louco e ninguém não se preocupa de andar com ele. 

 autor 
António Almeida
Enviar um comentário