O homem deseja tudo, e no entanto, quando tem tudo, despreza tudo que tem.


autor
António Almeida