Se eu encontrasse agora, quem em criança me disse, que eu um dia iria ter amigos, chamar-lhe-ia mentiroso.


autor
António Almeida