Não ser amado é triste, mas muito mais triste é não se amar ninguém.


autor
António Almeida