São tão contraditórias as pessoas, que nem lhes digo as razões, só para não me contradizerem.

 autor
António Almeida
Enviar um comentário