O planeta tem as suas áreas de perigo bem assinaladas, onde o homem só vive bem, aonde não devem ser habitadas.

autor
António Almeida
Enviar um comentário