Que o meu coração seja as minhas palavras, e as minhas ações a sua voz.


autor
António Almeida
Enviar um comentário