Quando o passado se vai, a vida é desejável, mesmo sem se saber o futuro, o presente é admirável.

autor
António Almeida
Enviar um comentário