A minha mente também tem fantasmas, mas eu apenas os deixo entrar para se importunarem e saírem de novo.


autor
António Almeida
Enviar um comentário