Não há corrupção em Portugal, simplesmente agradecimentos de favores.


autor
António Almeida